Uma comunicação habilidosa é um instrumento fundamental para que o relacionamento funcione de maneira gratificante no casamento, abrindo caminho para que as insatisfações sejam eficazmente trabalhadas, de modo a evitar crises sem sentido. Mas e se a comunicação precisa de ajustes, o que fazer?

Vamos lá! Na comunicação existe algo que se chama ruído. Isso quer dizer que, se a comunicação chega truncada e sem qualidade, temos matéria prima apta a gerar crises, sendo essencial aprimorar o falar e o escutar.

Por isso, bola de cristal,  ler a mente, geralmente não funciona. A sintonia requer um olhar interior que ilumine as expectativas pessoais sobre o outro e trabalhe a distância entre o oferecido e o esperado.

Foto: morgueFile

Foto: morgueFile

Quais  sentimentos  uma  frase  pode  esconder?  Raiva,  desconsideração, ciúmes podem ser camuflados, e é importante que o parceiro com uma escuta apurada compreenda o que o outro está vivenciando, e se coloque em seu lugar, aprendendo com a experiência para fortalecer a cumplicidade.

A técnica  de desligar  a  tv,  celular,  computador  e  qualquer  outro  meio  de comunicação que possa gerar ruído incentiva a conversa olho no olho sobre o dia de cada um, os projetos, alegrias e dificuldades vivenciadas no dia, sendo eficaz em criar um ambiente que promova a expressão e escuta do casal.

Outra técnica é parar um pouco na rotina diária, seja de estudos, trabalho, filhos,  família,  amigos  e  telefonar  para  saber  como está  o  outro. São 5 minutos de conversa que fazem a diferença.

Conversar sobre tudo,  tudo mesmo, é fundamental,  mas assuntos difíceis possuem o local e hora certa, paciência! Quando os ânimos esquentam e o nervosismo  aparece, a conversa  pode  ser  retomada  em  outra  hora  mais conveniente. Ser flexível, doar-se e aprender a ceder pode abrir um caminho para a melhor solução.

 

Conheça a Enylda Motta Psicologia & Sexologia

Envie perguntas e sugestões para contato@dasplus.com.br